REGULADOR INTESTINAL 2 - 30 CÁPSULAS

Código: 959TEF5Y2
R$ 35,30
ou R$ 30,00 via Depósito
Comprar Estoque: 1 dia útil
  • R$ 30,00 Deposito
  • R$ 31,77 Boleto Bancário
  • R$ 30,00 Entrega
  • R$ 35,30 American Express, Visa, Diners, Mastercard, Hipercard, Elo
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

REGULADOR INTESTINAL - 2

CÁPSULAS DE FRÂNGULA + SENE + CÁSCARA SAGRADA + ALOÍNA

FRÂNGULA

A frângula é uma planta medicinal, também conhecida como amieiro-negro, canjica e fusaro, que é utilizada pelo seu efeito laxante, sendo indicada para o tratamento de prisão de ventre e outros distúrbios digestivos.

A frângula tem ação purgativa, laxante, digestiva, tônica, estomáquica, antifúngica, depurativa e diurética, sevindo para o tratamento de problemas gástricos e intestinais, como prisão de ventre, parasitas intestinais, cálculo biliar, icterícia ou hemorroidas, e de outras doenças, como artrite, câncer, herpes e edema pulmonar.

SENE

O sene é uma planta medicinal, também conhecida como Sena, Cássia, Cene, Lava-pratos, Mamangá, muito utilizada para tratar problemas intestinais devido às suas fortes propriedades laxativas e purgantes.

O sene possui propriedades laxativas, purgativas, depurativas e vermífuga e, por essa razão é muito utilizada para tratar problemas gastrointestinais, especialmente a prisão de ventre. No entanto, uma vez que deixa as fezes mais moles, também pode ser usado para aliviar o desconforto em pessoas com fissura anal e hemorroidas.

CÁSCARA SAGRADA

A cáscara sagrada é uma planta medicinal muito utilizada para tratar a prisão de ventre, devido ao seu efeito laxante que promove a evacuação das fezes. O seu nome científico é Rhamnus purshiana D.C.

O extrato da cáscara é metabolizado pelas bactérias intestinais, havendo a produção de substâncias que estimulam a movimentação do intestino, facilitando a evacuação.

A cáscara sagrada é normalmente utilizada para combater a prisão de ventre, mas também pode auxiliar no emagrecimento, já que possui propriedades que diminuem a absorção de gordura, além potencializarem a digestão da gordura, podendo também ser utilizada para controlar o colesterol.

Essa planta possui propriedades laxativas, diuréticas, estimuladoras e tônicas. Assim, pode ser utilizada para combater a retenção de líquidos, emagrecer, ajudar no tratamento de prisão de ventre, inchaço abdominal, fluxo menstrual desregulado, hemorróidas, problemas de fígado e dispepsia.

ALOÍNA

A aloína, é um composto obtido a partir do suco das folhas interiores e secas do Aloe vera (babosa). A folha de Aloe vera contém dois extratos fundamentais, o gel – suco incolor da polpa, composto por um parênquima aquífero, e a aloína – suco amarelo, resina oleosa de látex, que se encontra entre a casca e o parênquima. Este suco ou resina proveniente da planta não deve ser confundido com o chamado gel de Aloe vera, o qual é uma mucilagem obtida das folhas, que é muito utilizado em cosméticos por suas propriedades emolientes, hidratantes, anti-inflamatórias e antibacterianas. É extraída de fontes naturais, sendo uma mistura de dois diastereómeros, chamados de aloína A (também conhecida como barbaloína) e aloína B (ou isobarbaloina), os quais têm propriedades químicas similares. A estrutura da folha dos Aloe mostra a casca (revestimento) exterior com cerca de 15 camadas de células. A dureza da casca do Aloe deve-se à presença de grandes quantidades de cálcio e magnésio. Debaixo da casca estão conjuntos vasculares ou tubos de xilema e floema. O xileno transporta os materiais sintetizados até às raízes e outras partes da folha.

Estudos mostram que a folha de Aloe vera contém 75 componentes nutricionais, e 200 outras substâncias, nomeadamente 20 minerais, 18 aminoácidos e 12 vitaminas. Estes nutrientes possuem uma variedade abrangente de benefícios para a saúde. Apesar de existirem mais de duzentas espécies de Aloe no mundo, estudos têm comprovado que o Aloe ferox é o mais eficaz de todos os Aloe, contendo cinco vezes mais o montante de polissacarídeos do que o Aloe vera. Sinergicamente, aloína, enzimas, vitaminas, minerais e aminoácidos trabalham para reparar a pele danificada, ajudam a combater o envelhecimento e até mesmo a incentivar a renovação celular. É usada como laxante para tratar constipação ao induzir os movimentos do intestino, porém pode causar cólicas abdominais. PROPRIEDADES O Aloe possui em torno de 12 antraquinonas como a aloína, isobarbaloína, antraceno, emodina, éster do ácido cinâmico, ácido crisofânico, barbolina, antranol, ácido aloético, aloe emodina, óleo etéreo e resistanol. Estas atuam como analgésicos laxantes naturais e contêm potentes propriedades antibacterianas, antifúngicas e virucidas. Além disso, fornece 20 dos 22 aminoácidos requisitados pelo organismos, sendo eles, 7 dos 8 aminoácidos essenciais. Possui também, algumas enzimas como amilase, lipase e catalase e, contém monossacarídeos como frutose e glicose sendo estes os açúcares mais importantes para o organismo humano. Ajudam na correta digestão, regulam os níveis de colesterol, melhoram o funcionamento das funções do fígado. Encontram-se presentes alguns esteroides vegetais que são importantes agentes antiinflamatórios. Os que compõem o Aloe são: colesterol, sitosterol, campesterol e luperol. Estes esteroides possuem propriedades antissépticas e anagélsicas semelhantes à da aspirina. Trata-se ainda, de um laxante irritante contido na seiva da Aloe socrotino, o qual é um constituinte do complexo antraquinona. Tem ação laxativa potente, que se manifesta 12 horas após a administração oral. Produz efeito laxante por envenenamento dos sistemas de enzima na parede intestinal, que são responsáveis pela absorção de água e nutrientes.

INDICAÇÕES A resina (parte utilizada para extração do Aloe) é indicada para prisão de ventre, e também, na limpeza intestinal para exames ou intervenções cirúrgicas e nas disquinesias hepatobiliares. · Constipação intestinal: Trata-se de um mecanismo duplo. O Aloe estimula a motilidade do cólon, aumentando a propulsão e acelerando o trânsito do cólon, o que reduz a absorção de líquidos da massa fecal. Ela também aumenta a permeabilidade paracelular através da mucosa do cólon, provavelmente devido a uma inibição da Na +, trifosfatase K+adenosina ou a uma inibição dos canais de cloro, o que resulta em um aumento no conteúdo de água no intestino grosso. Os efeitos laxantes da babosa são devidos principalmente à 1, 8-glicosídeos dihydroxyanthracene, aloína A e B (anteriormente designada barbaloina). Após a administração oral aloína A e B, que não são absorvidas no intestino superior, são hidrolisadas no cólon por bactérias intestinais e, em seguida, reduzido para os metabólitos at ivos (o principal metabólito ativo é de aloe-emodinaantrona-9), que, como Aloe age como um estimulante e irritante para o trato gastrointestinal. O efeito laxante da Aloe geralmente não é observada antes de 6 horas após a administração oral, e às vezes não, até 24 horas ou mais depois. Também indicado para outras afecções porém não comprovadas clinicamente: dermatite seborreica, ulceras pépticas, tuberculose e infecções fúngicas; e redução de açúcar no sangue (glicose).

 

Composição: Frângula 200mg, Sene 150mg, Cáscara Sagrada 150mg, Aloína 30mg

Modo de Usar: Tomar 1 cápsula à noite

 

ATENÇÃO

1.  Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.

2.  Imagens meramente ilustrativas.

3.  Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.

4.  Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.

5.  Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.

6.  Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC).  Proteger da luz, do calor e da umidade.  Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.

7.  Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

8.  Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.

9.  Este medicamento não deve ser utilizado durante o período de amamentação sem orientação médica.

10.  Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.

11.  Este medicamento não deverá ser partido ou mastigado.

12.  Siga corretamente o modo de usar.  Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica.

13.  "SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO"

"Venda mediante prescrição do profissional habilitado"

 

*Não se trata de propaganda, e sim de descrição do produto, consulte sempre um especialista. **Venda Sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a resolução 586/2013 do conselho de farmácia. Consulte-o. Sugestão de uso e benefícios desenvolvidos por profissional habilitado. Todo produto deste site possui dosagens dentro dos padrões usuais.

REFERÊNCIA

As Referências Bibliográficas se encontram em nosso departamento técnico farmacêutico, baseadas nas literaturas e materiais de nossos fornecedores.

 

Produtos relacionados

R$ 35,30
ou R$ 30,00 via Depósito
Comprar Estoque: 1 dia útil
Sobre a loja

Farmácia de Manipulação e Homeopatia - Desde 1984, a Farmacotécnica Birigui atua com a manipulação de fórmulas homeopáticas, alopáticas, cosméticos, fitoterápicos e florais de bach. Realiza entregas em todo o Brasil.

Pague com
  • Mercado Pago
Selos
  • Site Seguro

FARMACIA FARMACOTECNICA BIRIGUI LTDA - CNPJ: 53.808.127/0001-06 © Todos os direitos reservados. 2022